junho 14 2019 0Comentário

Queda de idosos: Saiba as causas e como evitar

O Brasil tinha 28 milhões de idosos em 2016, 13,5% do total da população. Em dez anos, chegará a 38,5 milhões (17,4% do total de habitantes). Em 2042, a projeção do IBGE é de que a população brasileira atinja 232,5 milhões de habitantes, sendo 57 milhões de idosos (24,5%). Em 2031, o número de idosos (43,2 milhões) vai superar pela primeira vez o número de crianças e adolescentes, de 0 a 14 anos (42,3 milhões). Antes de 2050, os idosos já serão um grupo maior do que a parcela da população com idade entre 40 e 59 anos.

A queda é o acidente doméstico mais frequente e perigoso para os idosos. Embora não seja uma conseqüência inevitável do envelhecimento, pode sinalizar o início de fragilidade, tais como o controle postural, o equilíbrio, a visão, a audição e até mesmo a força muscular que podem estar comprometidos.

Além disso, há os fatores ambientais e comportamentais, que podem ser cumulativos. Dentre eles estão o grau de dependência de terceiros para atividades básicas, o sedentarismo, os obstáculos do ambiente domiciliar, entre outros.

Além dos problemas médicos, as quedas apresentam custo social, econômico e psicológico enormes, aumentando a dependência e a institucionalização.

Algumas maneiras de prevenir a queda de idosos é eliminando tudo aquilo que possa ser obstáculo ou provocar escorregões dentro de casa, como fios, tapetes e outros objetos; Instale suportes, corrimãos e outros acessórios de segurança no banheiro, na sala, nos corredores e no quarto; Use sapatos com sola antiderrapante, nunca ande só de meias e substitua os chinelos que estão deformados ou frouxos; Instale iluminação ao longo do caminho da casa, principalmente para chegar até o banheiro; Os armários devem ter portas leves e maçanetas grandes para facilitar a abertura, e as roupas mais usadas devem ficar em lugares de fácil acesso.

Além disso, para facilitar e evitar quedas em escadas, rampas e demais acessos, podem ser instalados equipamentos que auxiliam na locomoção. Tais como: Cadeiras elevatórias, plataformas elevatórias e elevadores; Facilitando o deslocamento com segurança e melhorando a qualidade de vida.

adminpost